Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

CAF apresenta formato de trabalho para iniciar consultoria até o mês de julho

Publicação:

Apresentação ocorreu, nesta terça-feira (8), na Sala de Reuniões da Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão (SPGG)
Apresentação ocorreu, nesta terça-feira (8), na Sala de Reuniões da Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão (SPGG) - Foto: Diego da Costa
Por Diego da Costa

Os executivos da Corporação Andina de Fomento (CAF) - Banco de Desenvolvimento da América Latina apresentaram, nesta terça-feira (8), o formato de trabalho a ser desenvolvido para a produção da Avaliação de Impacto do Programa Comissões Internas de Prevenção de Acidentes e Violência Escolar (Cipave), da Secretaria Estadual de Educação (Seduc). A previsão é de que a avaliação inicie até o fim do mês de julho.


Conforme  a secretária-adjunta de Educação, Iara Wortmann, a Avaliação de Impacto, feita pelo CAF, irá potencializar ainda mais um programa que já está dando certo. “É mais uma possibilidade de aperfeiçoar o programa e buscar, cada vez mais, o objetivo de vencer a violência nas nossas escolas”, destaca.


De acordo com a coordenadora estadual da Cipave, Luciane Manfro, o apoio técnico, logístico e financeiro para o estudo, bem como os resultados que serão encontrados na avaliação, irão trazer um avanço para as ações de combate à violência nas escolas. “Estamos participando de um processo inédito para o nosso Estado. O apoio para a realização deste trabalho nos permitirá enxergar as mudanças que vêm ocorrendo e as maneiras mais adequadas para ampliar o programa nas escolas”, explica.


O executivo da Direção de Avaliação de Impacto e Aprendizagem de Políticas, da Corporação Andina de Fomento (CAF), Eduardo Fagre, destaca que a Cipave foi escolhida entre os 120 projetos na América Latina por diversas razões. De acordo com ele, foram determinantes a clareza, a relevância, a factibilidade técnica, a disponibilidade de acesso à informação, e a ampla participação das escolas. “ Um dos nossos principais objetivos, neste primeiro momento, era entender como o programa funcionava na prática. Após as visitas feitas às escolas será possível elaborar os modelos metodológicos”, explica.


Ainda estiveram presentes no evento o secretário de Planejamento, Governança e Gestão (SPGG), Josué Barbosa e o diretor do Departamento de Planejamento da SPGG, Antônio Cargnin.


Corporação Andina de Fomento (CAF)


A instituição, formada por 19 países e 14 bancos privados, promove um modelo de desenvolvimento sustentável através de operações de crédito, recursos não reembolsáveis e apoio em estruturação técnica e financeira de projetos dos setores público e privado da América Latina. Participaram da seleção 120 propostas provenientes da região. A proposta submetida, elaborada em parceria com a Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão (SPGG), por meio do Núcleo de Monitoramento e Avaliação de Políticas Públicas (NUMA), é uma das 11 que passaram para a segunda fase da seleção, de um total de 120 propostas enviadas. Destas, apenas cinco foram contempladas com a avaliação.

CIPAVE